Imagem capa - Operação casamento: Cinco dúvidas frequentes entre os casais por Patricia Frochlich de Carvalho

Operação casamento: Cinco dúvidas frequentes entre os casais


E o tão esperado pedido aconteceu e vocês estão noivos.

Agora por onde começar os preparativos para um dia tão especial?

Sem dúvidas, as perguntas, dúvidas, questionamentos e palpites são enormes. A vasta gama de possibilidades existentes fez surgir um profissional que se torna indispensável: o cerimonialista (conhecido também como assessor de eventos ou assessor de eventos ou organizador de eventos).

Porém, com o objetivo de padronizar a profissão e após diversos debates com profissionais da área, a Abrafesta - (Associação Brasileira de Profissionais, Serviços para Casamento e Eventos Sociais) firmou o entendimento recomendando “o uso da terminologia ORGANIZADOR DE EVENTOS por todos os profissionais que sejam responsáveis por produzir e organizar um evento, seja ele social, corporativo, religioso, esportivo ou de governo.”

Dito isso, agora passo a falar sobre cinco dúvidas que muito frequentes entre os casais. 




Dúvida N° 1

Devo contratar um organizador de eventos ? Pode parecer óbvia para alguns, mas é bastante recorrente:

Em um mundo ideal, o serviço de um organizador de eventos deveria ser o primeiro a ser contratado juntamente com um serviço de fotografia e vídeo profissionais - uma vez que esse serviço é o que eterniza o grande dia. (Falarei disso em outro texto).


Nós organizadores somos os profissionais contratados para dar corpo aos sonhos do casal e das famílias para que sejam realizados de forma técnica e correta. 

Somos os filtros de todas as pesquisas feitas na internet, tendências e ideias.

Estudamos os perfis de cada casal, as possibilidades de orçamento, a viabilidade do projeto, os fornecedores ideais, ajudamos na organização da lista de convidados, fazemos o serviço de confirmação de presença. Mas é preciso dizer que a elaboração de um projeto em geral deve começar em média um ano antes do grande dia.

E quando o grande dia chega somos os “anjos de preto” (em referência aos trajes pretos utilizados por nós organizadores, sempre os mais discretos possíveis e como regra somos os primeiros a entrar e os últimos a sair.

Trabalhamos desde recepção dos convidados, organização de cortejos de entrada e de saída, organizamos os momentos das fotos protocolares, a abertura da pista de dança, fazemos as contagens de bebidas e materiais restantes e outras várias situações.

Ou seja, nosso trabalho é certificar que tudo ocorra dentro do cronograma estabelecido para que no grande dia não aconteçam imprevistos.

Espero que depois dessa breve descrição do por que contratar os serviços de um organizador profissional você não tenha mais dúvidas do quanto é importante fazer o investimento.




Dúvida N° 2

A lista de convidados:

Depois da escolha de contratar serviços de qualidade, um fator determinante para o orçamento necessário para o casamento é a lista de convidados.

Esse é um dos pontos mais estressantes para os noivos, pois a escolha ou não dos convidados, pode causar alguns transtornos.

Lembre-se que o número de convidados determina muitos pontos dentro do casamento.

Tenha em conta o seguinte: cada convidado custa em média 200 reais. Esse valor serve de base para casamentos de até 150 convidados.  

Para a modalidade "destination weed" ou festas de maior porte os investimentos serão ainda maiores, pois a qualidade do que será oferecido aos convidados tem que ser ainda melhor.

Bom, vamos a algumas dicas que podem ajudar na hora da elaboração da lista. Façam algumas perguntas básicas:

Essa pessoa conhece o casal ? Essa pessoa é da família ? Essa pessoa é importante? Essa pessoa vai trazer alegria com sua presença? Curtiu ou acompanhou a história do casal ou do casamento? Esteve presente nos eventos pré casamento?

Se você respondeu sim a duas dessas perguntas: a pessoa deve ser convidada.

Se você respondeu somente um sim a essas perguntas: a pessoa deve ir para a lista de espera.

Se você respondeu não a duas das perguntas: a pessoa não deve ser convidada. Simples assim.

O casamento não deve perder a sua essência que é a de celebração do grande encontro e o amor do casal sendo compartilhada com pessoas queridas e que contribuíram para união do casais.




Dúvida N° 3


Qualidade x Preço:

Qual o preço dos seus sonhos? Quando falamos em casamento em geral esse grande dia só acontece uma vez na vida do casal. Não há uma segunda chance de fazer dar certo.

Nesse sentido é importante entender alguns pontos básicos, porém importantes:

Fazer um grande evento tem seus custos. Isso não quer dizer que ter uma grande festa seja um sonho impossível.


O importante é adequar os sonhos à realidade financeira do casal ou das famílias. E por isso é importante que entendam: sem dúvidas, a variante preço está ligada a qualidade sim.

Isso vale para os mais diferentes serviços desde assessoria, doces, forminhas, foto e vídeo, vestimentas, papelaria personalizadas e afins.

E se contratar um profissional custa caro, acredite, é ainda mais alto o custo de ter seu evento nas mãos de um amador - grandes responsabilidades presumem uma atuação profissional, dedicada e exclusiva.

Por isso, em alguns casos é melhor adiar um pouco o grande dia para fazer um evento com mais tempo e qualidade. feito com devido planejamento é mais efetivo e seguro.







Dúvida N° 4

Buquê da Noiva:

Um dos pontos mais pensados pelas noivas é o buquê. Qual o melhor formato, cores, ele deve combinar com o restante da decoração?

Aqui existem alguns caminhos na hora de orientar a escolha dessa peça cheia de história e significado.

Afinal, o buquê da noiva tem que combinar com a decoração?

A resposta é: não.

O buquê deve sim ser o elo entre o estilo do Vestido da Noiva e o estilo da cerimônia.


Por isso, o buquê não deve ter as mesmas flores da decoração, mas é de bom tom que esteja adequado ao ambiente.

A fora a altura da noiva e a estrutura do Vestido da Noiva, outros detalhes devem ser levados em consideração como:

- O buquê é uma escolha pessoal, não delegue essa escolha à outra pessoa.

- O buquê não é um simples amarrado de flores. É um ícone atemporal do casamento e praticamente uma obra de arte.

- Reserve sua data e fornecedor com antecedência. Pesquise boas referências. Quanto maior a antecedência, melhor as possibilidades de pagamento e também de promoções pontuais feitas pelos fornecedores.

- Muito cuidado ao escolher flores muito delicadas ou perfumadas demais. Cuidado com as delicadas, pois devido ao calor e ao uso podem perder o viço e ficarem murchas. E quando isso acontece, não há nada que a cerimonialista ou fotógrafo possa fazer. Afinal vale lembrar que nossos "super poderes" são limitados.

Já as flores naturalmente perfumadas, tais como: angélicas, lírios podem acabar por causar alergias e afins. Sendo assim, todo cuidado é pouco.

- O buquê não deve ser da mesma cor da faixa do vestido ou do sapato. As noivas que optarem por um detalhe colorido, deve dar destaque a esse item e escolher um buquê mais discreto.

Afinal, menos é mais ! SEMPRE. E o excesso de informações em uma noiva, em geral, é fora de moda.



Dúvida N° 5


Os trajes masculinos:

Além do tão sonhado Vestido da Noiva outro ponto que trás muitas dúvidas é a respeito do traje do noivo, pais e padrinhos.

Difícil escolher e entender as possibilidades? Não. Assim como todas as escolhas feitas para o grande dia, aqui algumas referências vão ajudar na escolha: uma delas é o gosto pessoal do noivo.

Sim, ele é importante no momento da escolha dos trajes masculinos, mas não é o fator determinante.


O que determina mesmo qual o melhor traje é o local, horário e o estilo do evento.

As opções existentes atualmente disponíveis para os homens além do terno são: fraque, meio- fraque, smoking e casaca.

Quais as diferenças e qual a melhor ocasião para usar cada um deles?

Fraque: a escolha desse tipo de roupa perde apenas para o terno. Mas é um traje que exige muito cuidado, pois é realmente para ocasiões formais.

Diferente de outras partes do mundo onde é um traje usado até as 18:00 horas, no Brasil essa regra de horário não é seguida à risca e o fraque muitas vezes é visto em casamentos noturnos. Em geral é usado pelo noivo e suas principais características são: cauda longa até a altura do joelho e o corte triangular na frente. As cores mais comuns do paletó e calça são o preto e o cinza. Já os coletes variam entre tons bege ou cinza.


Meio-fraque: Esse traje nada mais é do que uma adaptação do fraque. Seu uso remete a ocasiões menos formais, porém elegantes. Em geral é usada em cerimônias diurnas e é usado pelos pais e padrinhos. Esse traje conta com una cauda menor e corte quadrado na frente.


Smoking: Seu uso no Brasil tem sido cada vez mais raro, uma vez que o uso do "black-tie" é extremamente formal. O uso desse traje em geral é para ocasiões noturnas e pode ser usada por todos os convidados masculinos, desde que essa solicitação esteja clara no convite.

O modelo clássico tem o paletó curto com lapelas em seda ou acetinadas, calças da mesma cor e material do casaco, faixa ou colete, camisa e gravata tipo "borboleta".


Casaca: De todas as opções disponíveis essa é a mais formal de todas. É muito usado em recepções de gala e para ocasiões que começam após as 21:00 horas. Em geral quando o noivo opta por esse tipo de roupa os demais devem usar o smoking. Outro detalhe importante é que esse traje tem um caimento melhor para homens altos. O seu desenho é curto na frente e uma longa cauda em formato de tesoura. O traje completo inclui as peças pretas: casaca, calça, meias e sapatos. Já as brancas: colete, camisa e gravata.

Bem, pelo momento esses são os detalhes que tive o prazer de compartilhar com vocês. Se você leitor/a ficou com alguma dúvida ou sugestão e/ou deseja saber um pouco mais dos pontos abordados nesse texto entre em contato. Será um prazer interagir com você.

Um forte abraço,


Carolina Dias é Organizadora de Eventos Trilíngue. Bacharel em Relações Internacionais e conta com mais de dez anos de atuação no setor de festas e eventos no Rio de Janeiro e região.


Para baixar um e-book gratuitamente sobre o passo a passo do planejamento do casamento CLIQUE AQUI